segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Dia de balança.



Peso de manhã,nua e em jejum:68kg.


Não há nada a fazer.

Manter o peso não é pêra doce,mas perder é mil vezes pior.

E não há milagres:tem mesmo que se cortar a alimentação,fazer tudo aquilo que já sabemos.


Mais proteinas,menos hidratos.Nada de alcool,litros de água.Esquecer os doces,aumentar os legumes,as verduras,as frutas.Lacticinios,magros.Tirar o rabo do sofé,mexer as pernas.E então,eu disse alguma coisa de novo???Não me parece.


Conheço pessoas que fazem dietas complicadas,em que comem uma certa bolacha com uma certa fruta a umas certas horas,ou jamais comem determinado legume,ou acham que por terem um certo tipo de sangue não devem jamais comer carne.Eu cá acho que no fundo essas pessoas esperam que haja algum mistério,nisto das dietas,e que um plano alimentar equilibrado por si só não as convence,porque estão á espera que haja algum segredo guardado que ainda não sabem e por isso não conseguiram ainda emagrecer.


Se isso funciona para elas,óptimo.Eu continuo na minha:é tudo uma questão de matemática-ingerir menos calorias do que aquelas que gastamos e,sobretudo,tentar que haja equilibrio.O que tambem não quer dizer que seja sempre fácil...


Boa semana para nós!!!

(imagem do amigo Google).

5 comentários:

  1. na verdade eu creio k n é axim tão linear kt ixo... reduzir o aporte calórico? SIM. Mas se eu ingerir apenas 1000 cal e dexas 1000 cal 90% forem de gordura? O ideal será fazer uma gestão saudável do k se DEVE comer. Dietas do tipo de sangue e afins tb me fazem confusão, e aí sou totalmnt d acordo ctg. Há k ekilibrar mas sp dentro do ekilibrado pk o sgredo afinal tá mm aí! é k n há segredo e as coisas funcionam kd são feitas dentro dos planos convencionais! Milagres? n m parece k a nossa senhora das gordas em RA ande praí virada

    ResponderEliminar
  2. Milagres não há já se sabe. Estou de acordo contigo. Consumir menos do que se gasta e de forma equilibrada para emagrecer.

    Claro que existem promenores que ás vezes podem ajudar, ter atenção aos rotulos e selecionar produtos que podem impulsionar maior queima de gordura (tipo chá verde ou outros). Preferir os hidratos ao almoço em vez de ao jantar...entre outros.

    Quanto ao MEU fato de banho, olha eu sinto me mais confortavel de fato de banho. Mesmo que estivesse magrinha ia continuar a usa-lo. Este em particular é da Calvin Klein e tem por dentro (embora não pareça porque não se vê) um óptimo apoio para o peito. Além disso está bem conseguido porque me emagrece imenso (e nós gostamos disso!). Além disso quem tem filhos minha querida, quando se vai a praia nunca se consegue estar quieto muito tempo, pelo que me dá mesmo mais jeito um fato de banho. E além disso: gosto mesmo!

    ResponderEliminar
  3. Concordo com a Sakura.
    Reduzir sim mas, com equilibrio e sensatez, optando por uma alimentação saudável.
    A redução calórica deverá incindir fortemente nas gestão/eliminação das gorduras más e dos doces.
    Caso contrário, esta por si só não será suficiente.


    http://dietasqb.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. Então,meninas,foi o que eu disse:matemática e equilibrio!!!
    --Porque se de 1000calorias ingerires 900 de gordura,coitado do teu figado,ó Sakura...e onde está o equilibrio nisso?
    --Ó Gorda-magra,conforto é bom,e CK tambem,mas vi algures umas fotos tuas de bikini mini e estavam bem boas...(eu tb ando na praia a correr com o meu filho.De bikini e com a bunda que se sabe...)Só digo que podes...se quiseres!
    --Adoro os vossos comentários,voltem sempre!

    ResponderEliminar